ISO 27001: O Que É e Como Aplicar na Gestão de TI?

ISO 27001 — Como Aplicar na Gestão de TI?  

Alinhar a gestão de TI da sua empresa aos requisitos do ISO 27001 pode trazer diversos benefícios para o negócio. Saiba mais sobre essa certificação e veja como adequar sua empresa para obtê-la.

De acordo com Rony Vainzof, diretor do Departamento de Defesa e Segurança (Deseg) da Fiesp, em fala durante o V Congresso de Segurança e Defesa Cibernética organizado pela entidade, “os custos globais do cibercrime chegarão a US$ 10,5 trilhão por ano até 2025”.

Para mitigar os riscos de se tornar uma vítima desses ataques, estratégias de cibersegurança se impõem como um pilar fundamental para a sustentabilidade e o sucesso das empresas no cenário atual. 

Neste contexto, a ISO 27001, norma de referência internacional para a gestão da segurança da informação, oferece um framework robusto para a implementação de práticas eficazes de cibersegurança. Por isso, vamos abordar mais sobre esse assunto a seguir, continue a leitura para saber:

  • o que é uma ISO em TI;
  • quais são os requisitos da ISO 27001;
  • quais os benefícios de aplicar os requisitos do ISO 27001 na empresa;
  • como implementar a ISO 27001.

O que é uma ISO em TI?

Normas ou padrões internacionais desenvolvidos pela Organização Internacional para Padronização (International Organization for Standardization), as ISOs são reconhecidas em todo o mundo e sua adoção pelas empresas certifica excelência em determinados requisitos e pode facilitar parcerias de negócios entre companhias de diferentes países.  

Em TI, as normas ISO são projetadas para garantir a qualidade, a segurança, a eficiência e a confiabilidade dos produtos, serviços e sistemas de informação.

A ISO/IEC 27001, por exemplo, é uma das normas mais conhecidas e respeitadas no campo da segurança da informação. Seus requisitos fornecem um modelo para estabelecer, implementar, operar, monitorar, revisar, manter e melhorar um sistema de gestão de segurança da informação (SGSI). 

A adoção da ISO 27001 ajuda as organizações a protegerem seus dados e informações de forma eficaz, gerenciando e minimizando os riscos de cibersegurança.

Quais são os requisitos da ISO 27001?

Para alcançar uma certificação ISO, as empresas devem seguir determinados requisitos. A ISO 27001 estabelece requisitos para o SGSI, focando na proteção de informações confidenciais contra acessos não autorizados. Seus principais pontos dessa norma incluem: 

  • definição de uma política de segurança da informação (PSI);
  • identificação de riscos à segurança da informação e implementação de controles para mitigá-los;
  • realização de avaliações de risco e tratamento de riscos identificados;
  • estabelecimento de objetivos de segurança;
  • treinamento e conscientização em segurança da informação para colaboradores; 
  • comunicação interna e externa sobre segurança da informação;
  • implementação de processo de revisão e melhoria contínua do SGSI. 

Esses elementos são fundamentais para garantir a integridade, confidencialidade e disponibilidade das informações.

Quais os benefícios de aplicar os requisitos do ISO 27001 na empresa?

Ao seguir os requisitos da ISO 27001, sua empresa passa a contar com uma série de vantagens, tanto no que diz respeito ao aumento dos níveis de segurança cibernética quanto em relação aos negócios. 

Abaixo, listamos alguns dos benefícios de receber esse certificado:

  • ganho de vantagem competitiva;
  • garantia de segurança de informação;
  • conformidade com legislações como a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD);
  • melhor gestão de ativos da empresa.

Como implementar a ISO 27001?

Frente às vantagens destacadas acima, é importante que as empresas avaliem a viabilidade de buscar a certificação ISO 27001 para seu negócio. Para implementar os requisitos da norma é necessário seguir alguns passos:

Defina o escopo

Identifique os limites do SGSI, considerando os processos, locais e ativos de TI. Isso ajuda a focar nos elementos críticos que necessitam de proteção.

Crie um manual  de gestão da segurança da informação (SGSI)

Desenvolva um manual detalhando as políticas e procedimentos de segurança da informação, alinhados aos objetivos de negócio e requisitos da ISO 27001.

Faça análise de risco

Identifique potenciais riscos à segurança da informação, avaliando a probabilidade e o impacto de cada risco para determinar as prioridades de tratamento.

Elabore um plano de tratamento de risco

Defina estratégias para mitigar, transferir, evitar ou aceitar riscos, estabelecendo responsabilidades e prazos para a implementação de controles.

Implemente medidas de segurança e controle de acesso

Aplique controles físicos e técnicos para proteger informações confidenciais, incluindo gerenciamento de acesso e criptografia.

Crie programas de treinamento e conscientização

Desenvolva programas para educar funcionários sobre práticas de segurança da informação, enfatizando a importância da conformidade com as políticas do SGSI.

Monitore e faça auditorias

Realize monitoramento contínuo e auditorias regulares do SGSI para avaliar a eficácia dos controles e identificar oportunidades de melhoria.

Leia também > LGPD e segurança da informação: oportunidade para as empresas

Ao seguir essas etapas, o seu negócio não apenas poderá obter o selo ISO 27001, como colocará como referência no mercado, comprovando o seu compromisso com a segurança de dados e informações no ambiente digital. 

Para saber mais sobre como aumentar os níveis de cibersegurança do seu negócio, assista  ao nosso vídeo que tratada de vulnerabilidades e segurança em ambientes cloud computing:

Veja também

Como manter minha empresa em home office com segurança?

Como proteger os dados da sua empresa em tempos de Home Office

Proteção e Recuperação de Dados como serviço